Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Mora

"DEUS QUER, O HOMEM SONHA, A OBRA NASCE" ~ Fernando Pessoa

Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas de Mora

"DEUS QUER, O HOMEM SONHA, A OBRA NASCE" ~ Fernando Pessoa

O ano da morte de Ricardo Reis

05.11.21, PB Mora

Filme.png

Escrito em 1984, por José Saramago, foi adaptado ao cinema por João Botelho. Um filme onde podemos ver Chico Diaz, Luís Lima Barreto, Catarina Wallenstein, Victoria Guerra, Hugo Mestre Amaro, João Barbosa, Rui Morrison, entre outros. Depois de 16 anos exilado no Brasil, Ricardo Reis (heterónimo de Fernando Pessoa) chega a Lisboa em dezembro de 1935. O ano de 1936 é o ano de todos os perigos, do fascismo de Mussolini, do Nazismo de Hitler, da terrível Guerra Civil espanhola e do Estado Novo em Portugal, de Salazar. Ricardo Reis assiste assim ao desenrolar de um tempo particularmente sombrio na Europa. Depois de uma visita à sepultura de Fernando Pessoa, o fantasma do poeta faz uma série de aparições no quarto de Reis onde, durante meses, ambos se perdem em reflexões sobre a vida, o país e o mundo. E onde surgem duas mulheres, Lídia e Marcenda são as paixões carnais e impossíveis de Ricardo Reis. Neste filme mergulhamos também na personalidade de Fernando Pessoa, um dos maiores escritores da língua portuguesa que estabeleceu um gigantesco universo paralelo criando uma série de heterónimos para sobreviver à sua solidão de génio, sendo Ricardo Reis uma dessas personagens. José Saramago, prémio Nobel da Literatura em 1998, deu-lhe vida através do meu romance O Ano Da Morte De Ricardo Reis, escrito em 1984. “O Ano Da Morte De Ricardo Reis” transporta-nos para um Portugal a preto e branco e que conta com o brasileiro Chico Díaz no papel de Ricardo Reis e Luís Lima Barreto a assumir a figura de Fernando Pessoa. Do elenco fazem também parte Catarina Wallenstein, Rui Morisson, Victoria Guerra, Hugo Mestre Amaro, João Barbosa, entre outros.